segunda-feira, 5 de outubro de 2009

Política

RIO 2016

Paes se reúne com secretários para discutir metas para as Olimpíadas

Publicada em 05/10/2009 às 08h19m

G1 e Bom Dia Rio
  • R1
  • R2
  • R3
  • R4
  • R5
  • MÉDIA: 5,0

Hasteamento da bandeira olímpica no Palácio da Cidade, sede da prefeitura do Rio / Foto: Domingos Peixoto

RIO - O prefeito Eduardo Paes vai se reunir, nesta segunda-feira, com os seus secretários e com presidentes de empresas públicas para definir o planejamento da cidade para os próximos meses com o foco nas Olimpíadas. No encontro, serão traçadas as prioridades e tarefas de cada secretaria com base no caderno de encargos que foi apresentado ao Comitê Olímpico Internacional (COI).

No início da manhã, Paes, o presidente do Comitê Olímpico Brasileiro (COB), Carlos Arthur Nuzman, e o secretário-geral da Rio 2016, Carlos Roberto Osório, participaram da cerimônia de hasteamento da bandeira olímpica no Palácio da Cidade.

- São muitas responsabilidades, mas muita alegria, é o primeiro dia útil de cidade olímpica, de prefeito olímpico, aliás mando um abraço para o governador olímpico. Enfim, a gente tem muito trabalho daqui pra frente, temos que começar a organizar isso junto ao secretariado, definir tarefas e começar a trabalhar e avançar em direção a 2016. Precisamos ter clareza das responsabilidades, das atribuições, nós vamos apresentar algumas experiências bem-sucedidas de outras cidades do mundo, que aproveitaram bem a oportunidade de realizarem Jogos Olímpicos e fizeram uma mudança na cidade, que é o que a gente quer que aconteça com o Rio de Janeiro - disse Paes, em entrevista ao telejornal Bom Dia Rio.

Para Cabral, questões a resolver para as Olimpíadas são "doce problema"

O governador Sérgio Cabral ressaltou, na manhã desta segunda-feira, em entrevista ao Bom Dia Rio, que vai investir em obras do metrô e em segurança para os Jogos Olímpicos. Para Cabral, questões a resolver são "doce problema":

- É um prazer tratar de um doce problema. Nós anunciamos, durante a candidatura, que muitos dos investimentos propostos no caderno de encargos, já faziam parte do processo de investimentos da cidade e do estado - afirmou Cabral.

O governador disse ainda que a ligação da Zona Sul à Barra através do metrô vai ser a grande surpresa olímpica:

- Não tenho a menor dúvida de que nós conseguimos, com esforço do Governo do Estado e do Governo Federal, com fontes de financiamento, entregar a Linha 4: Jardim Oceânico, São Conrado, Gávea, Leblon e General Osório, para as Olimpíadas de 2016.

Sobre segurança, o governador afirmou que até 2016 será feita a inclusão de sete a dez mil policiais militares nas ruas do Rio de Janeiro e que novas Unidades Pacificadoras serão inauguradas ainda este ano.

Nenhum comentário:

Postar um comentário